Perguntas frequentes - Regressão Terapêutica
1. Quando devo me submeter a uma regressão terapêutica ?

Quando não se encontra nesta existência a origem de um trauma, sendo este responsável pela somatização de doenças físicas, mentais e/ou emocionais, ou quando o indivíduo pretende realizar um trabalho profundo de autoconhecimento com intuito de identificar comportamentos que estão em desalinho com sua proposta existencial, corrigindo-os e aproveitando melhor assim existência atual e as posteriores que advirão.

2. Para quais doenças/conflitos/sentimentos a regressão terapêutica está indicada ?

São inúmeros os quadros em que a regressão terapêutica pode ser indicada. Entre eles estão: abandono, alcoolismo, angústia, ansiedade, asma (desde criança), baixa autoestima, ciúmes, conflitos entre pais e filhos, conflitos entre casais, culpa, depressão, descontentamento, diabetes, enxaqueca, fibromialgia, fobias, mágoas, medos, raiva, síndrome do pânico, solidão, tristeza, timidez, TOC, etc

3. Quais os benefícios da regressão terapêutica ?

- Consciencial

Recordar vidas passadas avaliando a nossa atuação, o quanto as  aproveitamos no sentido espiritual, como somos quando retornarmos e habitamos um novo corpo físico na Terra e como nos sentimos quando voltamos para o verdadeiro lar (plano astral).

- Desligamento

Em todas as Regressões ocorre o desligamento de vidas passadas, mas algumas têm apenas essa finalidade, geralmente para a melhoria ou cura das Fobias, Pânico, Depressões severas e dores físicas crônicas. Nesses casos, a finalidade é apenas o desligamento e não mostrar características de personalidade, tendências de sentimentos, atitudes ou posturas, embora um pouco possa perceber-se nas situações encontradas, por exemplo, tendência de solidão, de culpa, de isolar-se, de deprimir-se, magoar-se, tendência suicida, etc.

4. Quanto tempo dura as sessões ?

As sessões duram, em geral, cerca de 1:30 horas, e nelas a pessoa revive fatos traumáticos (se existirem) de uma, duas ou mais encarnações passadas, além dos períodos inter-vidas, onde acessa muitas informações importantíssimas para o seu real aproveitamento da atual encarnação.

5. Esta técnica de regressão tem algum vínculo com religiões ?

Por ser uma proposta de tratamento que esta toda fundamentada na reencarnação, muitos acreditam que este tipo de terapia está relacionada principalmente com religiões reencarnacionistas, em especial, no ocidente, com a Doutrina Espírita ou Espiritismo. Gostaríamos de deixar claro que nosso trabalho não possui vínculo algum com religiões. A reencarnação é um conceito antigo e aceito há milênios de anos principalmente em países do Oriente como China e Índia. Cada vez mais constate-se fatos que deixam claro a existência da reencarnação.

6. Regressão terapêutica é uma técnica ética perante as leis do Universo ?
Para elucidar esta pergunta buscaremos uma questão abordada em uma Obra Básica da Doutrina Espirita - o  “Livro dos Espíritos”, na questão 399, que diz a respeito do Esquecimento do passado: 

“Mergulhando na vida corpórea, perde o Espírito, momentaneamente, a lembrança de suas existências anteriores, como se um véu as cobrisse. Todavia, conserva algumas vezes vaga consciência, e lhe podem ser reveladas. Esta revelação, porém, só os Espíritos superiores espontaneamente lhe fazem, com um fim útil, nunca para satisfazer a vã curiosidade.”

A Regressão Terapêutica (ABPR), é pioneira na Ética de apenas ser revelado o passado das pessoas a critério dos Mentores Espirituais, sem que o terapeuta induza o processo e nunca sendo incentivado o reconhecimento de pessoas no passado (respeito total a Lei do Esquecimento).

7. Como acontece o processo da regressão terapêutica ?

Baseamo-nos no princípio de que as nossas memórias encontram-se em nossos corpos sutis e então incentivamos um relaxamento profundo na pessoa que vai regredir. O relaxamento é normal, a pessoa se deita na maca, permanece com os olhos fechados, em um ambiente tranquilo, com música em volume suave, onde vamos falando com a pessoa em voz baixa, incentivando o relaxamento. Geralmente em poucos minutos a pessoa acessa uma vivência do seu passado.

8. Como surge as memórias do passado, como é possível acessar tais fatos ?

A disponibilização de memórias do passado, fazendo com que se reviva fatos que marcaram nossas vidas é de  total responsabilidade do mentor espiritual, anjo da guarda, guia espiritual, amigo espiritual, do próprio cliente. Este ser nos conhece muito bem, conhece nossos limites, e nos acompanha desde o nascimento, portanto jamais revela algo que possa prejudicar a existência atual. É um ser que quer somente o nosso bem.  Está ao nosso lado auxiliando durante a caminhada terrena.

9. Como sei que regredi ?

Quando visualizamos o cenário, as vestimentas, a aparência física que nos é apresentada podemos fazer um parâmetro com nossas características atuais e sem dúvida chegaremos a conclusão de que tais fatos se tratam de memórias de vidas passadas.

10. O que posso ver quando acesso uma vivência passada ?

Poderá ser visualizado a fase da infância (vida atual), a vida intrauterina (vida atual ou anteriores), ou vidas passadas, seja ocupando um corpo físico (em qualquer faixa etária) ou em uma outra dimensão extrafísica.

11. Quando acesso a vida uterina o que pode acontecer?

Quando acessamos esta fase conseguimos ouvir os relatos dos pais, o que eles falam, sentem, planejam, etc., é possível visualizar a casa, o nascimento, a vontade de nascer logo, muitas vezes, a vontade de não nascer, etc. Enfim, são muitos os relatos da fase em que estamos dentro do útero materno, mostrando que já temos pensamentos e sentimentos enquanto estamos formando o nosso novo veículo físico. Na verdade, lá dentro do útero está um espírito milenar formando um novo corpo, e que, portanto, já pensa, já sente, e tudo isso que vivencia nessa época vai permanecer dentro do seu inconsciente, sejam boas situações, sejam más, seja alegria, seja tristeza, seja segurança, seja medo, etc. Podemos, então, perceber, que o material a investigar no inconsciente é da maior importância, e a sua exteriorização, essa “limpeza” promovida pela regressão pode ter um valor terapêutico da maior importância.

12. Consigo visualizar o período intervidas ou seja o plano espiritual ? O que visualizo quando chego a este plano ?

Sim, é possível. As pessoas costumam relatar áreas de natureza, pessoas de roupas claras,  hospitais, escolas, os grupos de estudo, etc., e os relatos são extremamente semelhantes aos encontrados nos livros espíritas sobre o assunto. Falam nas colônias, cidades, o trabalho e o estudo realizado lá por seus habitantes, o processo de reencarnação, as reuniões, os ministérios, os planejamentos das encarnações, etc. 

13. Podemos dizer que formamos nossa personalidade na infância ?

O nosso espírito (consciência) já animou inúmeros corpos, inúmeras personas, em inúmeras encarnações passadas, e em todas elas nós tínhamos uma personalidade. Nós não formamos nossa personalidade na infância atual, nós mostramos, desde o início aqui, quem e como somos, e os nossos pais, nosso meio ambiente e os fatos da infância e da vida, tendem a agravar ou a melhorar nossas características, tanto positivas como negativas.

Na verdade, somos a continuação do nosso passado, em busca de evolução e crescimento espiritual (consciencial).

14. Todas as pessoas conseguem regredir ?

Não, nem sempre ocorre. 

15. Quais as contra-indicações ?

• Pessoas com problemas cardíacos (cardiopatas)

• Pessoas com pressão alta descontrolada

• Pessoas que sofreram derrame ou isquemia (AVC)

• Pessoas que não possam suportar emoções fortes

• Pessoas muito idosas

• Mulheres grávidas, a não ser em caso de extrema necessidade (física ou emocional)

Para os casos contra indicamos acima, utilizamos a Regressão à Distância. Se trata do mesmo Método porém uma outra pessoa, que podemos denominar de "ponte" é quem participa do processo no lugar do cliente. Todas recordações são transmitidas a esta "ponte", poupando assim a pessoa que iria se submeter a sessão. Após realizada, retransmitimos todo o conteúdo acessado a pessoa que está em tratamento.

16. Durante a regressão ficarei acordado ou dormindo ? 

A pessoa ficará completamente acordada e consciente. O que proporcionamos é apenas um simples relaxamento. 

17. O conteúdo acessado é possível de ser lembrado ?

Sim.